6 de jun de 2011

DAKIMAKURA: Sou mesmo de outro planeta...












Quanto mais eu rezo...

Eis que debutei em algo que levaria bem umas duas existências prá tentar entender, mas como existe e é até, (vamos combinar assim, vai?), "interessante", não resisti ao post...

Na cultura doméstica nipônica, existe um travesseiro semi-ortopédico (dakimakura, "travesseiro de abraçar") que após séculos de discretíssima existência, ganhou a não pouco tempo o status de suporte de, hmmm, "arte".

Feios, não são. Aliás, a limpidez quase vetorial desses animês eróticos, não faria má figura em QUALQUER CURADORIA.

Solitários do mundo, adormeceis" (ou "despertai", visto os prints...)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Capriche. Não curto Anônimos, mas costumo perdoar os Covardes. (Às vezes, me sinto covarde, então...)